Início » Deus responde viciada sem teto em sua primeira oração: “Eu não era invisível para Ele”

Deus responde viciada sem teto em sua primeira oração: “Eu não era invisível para Ele”

0 comentário

Uma sem-teto viciada em heroína orou a Deus pela primeira vez, e Deus a respondeu no dia seguinte. Ela encontrou esperança e liberdade em Jesus.

Infância Dolorosa

Dawn Searock cresceu em um lar abusivo. Em tenra idade, ela foi abusada verbal e sexualmente. Como resultado, ela se tornou suicida mesmo aos oito anos de idade. Então, aos 11 anos, ela finalmente tomou coragem para denunciar os abusos à delegacia. E as autoridades abrigaram o adolescente em um lar adotivo.

As memórias dolorosas da infância de Dawn a fizeram acreditar que não era o suficiente. E por causa dessa falta, ela ansiava por amor e pertencimento. Então, a adolescente achou que a solução era casar.

De fato, Dawn encontrou alguém e se casou com ele. Eles tiveram dois filhos. Mas longe do que ela esperava, seu casamento logo desmoronou. E depois de 13 anos, o casal se divorciou e ela ficou sozinha aos 32 anos.

Tornando-se uma viciada em heroína

Após o fracasso de seu casamento, Dawn caiu em depressão. E desesperada para escapar de seus problemas, ela começou a beber muito. Além disso, um homem que Dawn namorou a apresentou à heroína. Esses vícios se tornaram sua maneira de entorpecer toda a dor e sofrimento que ela experimentou.

Dawn culpou Deus por todas as coisas ruins que aconteceram em sua vida. A essa altura, ela havia se tornado uma viciada em drogas. Dawn então começou a fazer coisas horríveis. Não demorou muito para que ela fosse atrás das grades por roubo.

Quanto mais Dawn se aprofundava nas drogas, mais ela se odiava. Até que chegou a hora, a polícia a prendeu novamente e a condenou a 18 meses de prisão. Então ela conheceu uma mulher que conheceu no passado que se tornou cristã. E quando ela viu sua transformação, ela começou a ficar curiosa. Então, ela começou a ler a Bíblia.

Após a libertação de Dawn, ela se tornou uma sem-teto. Mais tarde, ela orou pela primeira vez por desespero. E eu disse a Deus que faria qualquer coisa se Ele apenas me mostrasse o caminho”, compartilhou. 

‘Percebi que eu não era invisível para Deus’

Na manhã seguinte à oração, um estranho na rua convidou Dawn para visitar uma casa cristã de reabilitação para viciados. Ela disse que isso significou mais para ela do que qualquer um poderia imaginar.

“Percebi que eu não era invisível para Deus e isso foi tudo para mim”, disse ao contar que ela aceitou o convite e ali ouviu mais sobre o amor de Deus por ela.

Mesmo assim, Dawn disse que foi difícil de acreditar. Então, certa manhã, enquanto estudava a Bíblia com um dos conselheiros, algo chamou sua atenção.

“Me deparei com Romanos 8.38 e 39, onde diz que nada pode nos separar do amor de Deus. E quando li isso fiquei tão animada. Não importava o que eu tivesse feito, Deus ainda me amaria”, reconheceu. 

“Parecia muito fácil. Eu lutei tanto com isso, até entender que nenhum de nós é bom o suficiente. Nenhum de nós merece o que Deus fez, e é somente por causa de Jesus que temos esse dom gratuito. Isso removeu o peso que estava em mim. Eu aceitei essa verdade”, relatou.

‘Ele vê você e Ele entende a sua dor’

Depois de sua conversão, Dawn se casou com Jason, um policial. Juntos, eles começaram uma organização sem fins lucrativos chamada Socks and Souls (Meias e Almas), para ajudar os necessitados.

Dawn também se reconciliou com seus filhos e agora disse que adora compartilhar a esperança que encontrou em Jesus com os outros.

“Ele vê você e Ele entende a sua dor. Ele não pretende que tenhamos uma vida de sofrimento”, disse. 

“Deus pretende que tenhamos verdadeiramente uma vida abundante Nele. E Ele quer que todos saibam que existe perdão. Existe amor incondicional. Esse amor é tudo para mim”, concluiu. 

FONTE: GUIAME E GODTV

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Mais informações