Início » Ex-traficante de drogas desiste de suicídio na após ouvir Deus falar com ele: “Eu me senti amado”

Ex-traficante de drogas desiste de suicídio na após ouvir Deus falar com ele: “Eu me senti amado”

0 comentário

Um criminoso condenado a duas décadas de prisão pensou que o suicídio era sua única saída para problemas, mas tudo mudou quando ele teve um poderoso encontro com Jesus.

Raynard Dugger , natural de Washington, EUA , cresceu no bairro Paradise , onde o crime controla o meio ambiente; ele, mesmo indo à igreja, sentia que sua família não lhe dava a atenção que precisava.

“Tivemos dificuldades. Meu pai era o único que trabalhava. Minha mãe tinha problemas de audição. Então eu não podia trabalhar muito” , disse a Testimonios de Delafé .

“Na minha casa, ninguém realmente se importava um com o outro ou mostrava que se importava. Sempre foi sobre meu pai tentando sobreviver, minha mãe tentando lidar com a situação dela, minhas irmãs tentando sobreviver como mulheres e eu, agora estou na rua”, acrescentou.

Condenado a 20 anos de prisão, o jovem achava que sua única saída era o suicídio. Ele já havia planejado em detalhes como se mataria.

Com uma sentença de 20 anos, Raynard pensou que sua única saída era tirar a própria vida.

“… quando o policial fez sua última rodada, ele ia sair e depois me enforcar. Eu tinha tudo pronto. Eu estava sentado no meu beliche e comecei a contemplá-lo, vendo na minha cabeça “, revelou Dugger.

Então um encontro sobrenatural aconteceu dentro de sua cela, onde Raynard disse ter ouvido a voz de Deus.

“Havia algo dentro de mim que não estava convencido. Senti que dentro de mim tinha que haver outra maneira. Eu nem sei de onde veio na época. Mas no momento em que disse isso, ouvi a voz de Deus na minha cela: ‘Experimente-me'”, testemunhou.

“Eu sabia que era Deus. E isso me trouxe tanta liberdade e alegria naquele momento. Eu literalmente me lembro de estar prestes a tirar minha própria vida para ouvir a voz de Deus e imediatamente me sentir amada .

Imediatamente, ele se rendeu a Jesus e sentiu a necessidade de compartilhar o Evangelho com os outros dentro da prisão.

“Eu era conhecido por ser uma testemunha de Jesus, mesmo na prisão”, disse ele.

Essa mudança fez com que sua pena fosse reduzida para seis anos e oito meses, então quando a pena foi cumprida, ele conseguiu uma igreja para congregar, trabalhar e também uma esposa.

“Agora, estou em casa há seis anos e Deus ainda é fiel. Percebo que quando você é chamado por Deus, não importa o que os outros tenham a dizer.

FONTE: FILHOS DE DEUS COM THE CHRISTIAN POST

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Mais informações